Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Ventania

Na margem certa da vida, a esquerda.

Ventania

Na margem certa da vida, a esquerda.

origem

Ando a fazer um esforço para me tornar a sentir mulher, gostei de o ser aos olhos de outra pessoa durante uns tempos. E depois odiei que me fizessem sentir uma criatura amorfa e assexuada.


Ando a ter mais cuidado com os detalhes a que as fêmeas se dedicam, o cabelo, as pestanas, a maquilhagem, as unhas. Continuo a usar todos os cremes. Não me despedi dos transparentes e discretos, mas de vez em quando lá ouso algo mais chamativo, um verniz vermelho ou... hmm, e pronto.


 


Há um longo caminho a percorrer...

4 comentários

Comentar post