Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Ventania

Na margem certa da vida, a esquerda.

Ventania

Na margem certa da vida, a esquerda.

origem

Estou com uma carraspana à antiga, com direito a dores de garganta, a estar semi-afónica, febre, dores no corpo e mal-estar generalizado, e ainda a uma fosse profunda, cavernosa mesmo.


Pedi (sim, foi preciso pedir) ao homem um chá de limão e gengibre, para beber quentinho com uma colher de mel. De todas as mezinhas caseiras, será provavelmente a mais eficaz para desobstruir as vossas respiratórias.


Como o jovem não é, de todo, a criatura mais expedita no que diz respeito a todo quanto sejam tarefas relacionadas com a cozinha, dei-me ao trabalho de explicar o que deveria ser desnecessário.


"Metes a água a ferver, pões a casca de limão - só a parte amarela - e como já não temos gengibre fresco, gengibre em pó."


Dez perguntas depois (Copo ou chávena? Lavo o limão antes? Etc e tal...), lá me aparece o jarro de vidro com uma água baça. Lá dentro, toda uma casca de limão, num só pedaço, cheia da parte branca (e amarga).


Disfarcei a careta e provei.


- Olha lá, puseste sumo de limão aqui dentro?


- Sim, foi para fortalecer o efeito.


- Ah, tá bem. E o gengibre?


- Esqueci-me... Vou lá buscar. Como é o frasco mesmo?


Após repetir as indicações 3 vezes, lá encontra um frasco idêntico.


- Acho que achei. Diz lemongrass?


- Não! Diz gengibre! É um frasco igual, mas não é esse, nem o do piripiri. É GENGIBRE!


Lá trouxe.


- Já agora, não te importas de trazer o frasco do mel? E uma colher?


- Ah, desculpa amor, esqueci-me.


- Não faz mal, amor, obrigada. És o namorado mais fofinho do mundo. :-)


 


Just for the record: limonada diluída e morna com gengibre em pó e mel não faz absolutamente nada à constipação.