Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Ventania

Na margem certa da vida, a esquerda.

Ventania

Na margem certa da vida, a esquerda.

origem

No teu corpo de abrigo

Sou inteira

Sem filtro

No desejo de ti todo

Encontro

O que é selvagem

Perdido

Procuro um casulo

Refúgio

Meu lar

Escondido

Nossos peitos abertos

Sofridos

Esmagados e comprimidos

Colados

De par em par

A sede que te tenho

Inebria

Teus beijos

De oásis

Estremecem

As mãos nos quadris

Padecem

Línguas que se abraçam

Dormentes

Peles que se roçam

Brilhantes

O embalo melódico do coito

Gemidos 

Nomes que se soltam

Volúpia

Cantam tesão

Teu corpo de abrigo

Contido

Meu porto amigo

Secreto

Final em vibrato

Explosão

Começa-te em mim

De fogo

Alma aberta

Paixão

tumblr_pdrjjr6orY1qz6f9yo2_500.jpg