Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Ventania

Na margem certa da vida, a esquerda.

Ventania

Na margem certa da vida, a esquerda.

origem

a isto. Pronto, os cromossomas estão cá, reclamam tempo de antena, e é melhor fazer-lhes a vontade antes que entrem em greve e me lixem o esquema (a capacidade de multitasking é essencial para a minha sobrevivência).


 


Querido Pai Natal,


 


quero um voluntário para ir comigo ao Dolce Vita Tejo, fazer visitinha à Blanco e à Primark e afins, com força de braços, vontade de carregar sacos e paciência infindável. Sim? Sim. :) Fazem falta as botuskas tão anti-dress-code (temos pena), a maluska lindona e gigante e a metade do preço, um (ou outro) vestidinho preto, botas de caminhada.


Pronto, e só para o caso de sair o euromilhões a algum amigo/mecenas: Já agora, que diz que vão andar psico-coisinhos a ver uma foto minha num congresso internacional (upa, upa), quero uma EOS (de 500D p'ra cima) toda kitada só para mim. E uma bicicleta articulada baratiiiinha e em 2ª mão. E uma permanente de pestanas e uma daquelas chapas de esticar o cabelo e uma escova de dentes eléctrica e uns óculos de sol. Sempre benvindos: écharpes compridas, livros usados, (bons) concertos, jantares/almoços/brunches e, claro, passeios e viagens* e milhas. Sonhar não custa e pedir também não.


 



*Graças à Rafaela, lembrei-me que também ainda quero ir a Dublin. ;)

Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.