Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Ventania

Na margem certa da vida, a esquerda.

Ventania

Na margem certa da vida, a esquerda.

origem
rapaz, as palavras não deixam de existir quando viras a página. As palavras não são engolidas e o passado não evapora.

A tua história, a minha, a de toda a gente, é o percurso, o ontem, o hoje e será o amanhã. O que somos hoje é fruto do que vivemos, as feridas que hoje temos são resultado de dores infligidas antes e os medos que temos existem pelas razões de cada um de nós.


Podes virar tantas páginas quantas quiseres, mas elas vão continuar a existir independentemente de ti.


 




 


my boy, words don’t cease to exist when you turn the page. Words are not swallowed and the past doesn’t evaporate.


Your story, mine, everybody’s story, is the path, the yesterday, the today and will be the tomorrow. What we are today is the product of what we have lived, the wounds we carry today are the result of pains inflicted before and the fears we have exist for our very own reasons.


You may turn the pages as much as you want, but they will keep existing regardless of you.

Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.