Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Ventania

Na margem certa da vida, a esquerda.

Ventania

Na margem certa da vida, a esquerda.

origem

A perfeição do céu lilás e laranja enquadra um cargueiro ao largo e algumas gaivotas embriagadas, seguramente vindas de um tasco que lhes permitiu o serviço de tinto em copos de três pela noite fora, vêm dizer "bom dia", estridentes, troçando dos que não têm asas, ou desconhecem que as asas, não podendo crescer-lhes das omoplatas, podem ser criadas com o engenho recto e simples de cortar as amarras que não se vêem, e portanto acreditam que não podem voar. Os passageiros dormentes e condenados à vida rasteira de horizontes míopes deslizam rumo à cidade que amanhece, fresca e solta, sem darem conta de viverem num cenário pintado a óleo com a minúcia delicada e a realidade difusa dos mestres impressionistas. Figurantes de um todo desinteressante, com receio de assumir protagonismos em cada um dos seus filmes, consumidos pelo desígnio da sobrevivência, da subsistência dos seus, chamuscados por paixões interrompidas, por sonhos de que os outros riram, por asas que foram arrancadas com violência logo à nascença, seguem de arrasto, mudos em cacofonia. 

A comoção pela beleza que um apaixonado encontra em cada flor murcha é um luxo de quem não tem úlceras dolorosas no coração. Olhar um momento pela janela dos olhos dos outros, adivinhar os sabores que lhe amargam o palato e os que incendeiam um sorriso, um privilégio de quem não se deixou cegar pela brancura falsa e suja da espuma dos dias que rodam, em sucessão estonteante, até à náusea. Deixar cair uma lágrima roliça de saudade é quase um pecado na cartilha moral. E a inércia, essa puta que desgraça epopeias com borrões de tinta seca, que dá o braço à pálida coragem que se traz de origem e finca os pés na terra, minando qualquer impulso, qualquer pequena fagulha que prometa lábios colados a quem se quer, é movida a medos insuportáveis. De onde se conclui, a cada abordagem, que o medo é o próprio inverso do amor.

20180911_065215.jpg