Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Ventania

Na margem certa da vida, a esquerda.

Ventania

Na margem certa da vida, a esquerda.

origem

 

    • o calor (temperaturas acima de 28ºC = insuportável)

 

    • gotas de suor a escorrerem pelas costas

 

    • melgas (essas put@s!)

 

 

    • ver bebés cheios de roupa e sapatinhos e todos tapadinhos com fraldinhas e porrinhas

 

    • ter de me besuntar com protectores solares (diferentes, específicos para corpo, rosto, lábios, cabelo...) antes de sair de casa

 

    • os preços absurdos destes protectores solares (manter a cor de lula dá trabalho E despesa)

 

    • parecer que todo o país está a meio gás

 

    • marcas de biquíni e, pior, bronzeados à camionista

 

    • as pernas inchadas

 

    • as touradas

 

    • ouvir falar emigrantês um pouco por todo o lado

 

    • certos senhores em tronco nu, com o pelame e a correntinha de ouro de fora (ptuiiii!)

 

    • a silly season chegar ao noticiário

 

    • o gelo derreter em segundos (de todas as maneiras menos da que eu gosto)

 

    • não poder sair à rua como apetece (de cuecas e descalça, ou, na variante urbana, de havaianas e vestido com decote até ao umbigo)

 

    • as quebras de tensão

 

    • crianças (e alguns progenitores) a berrar no parque ao lado da minha janela até às 3 da manhã

 

    • as comichões, marcas na pele e incómodo que a minha alergia ao calor produz

 

    • o cheiro tão pior que o habitual nos transportes públicos



 

 

 

 

 

 

 

Claro que também há coisas boas... como o marisco, as frutas da época, duches frios, não se pagar portagem na 25 Abril em Agosto... E que me lembre, só.

Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.