Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Ventania

Na margem certa da vida, a esquerda.

Ventania

Na margem certa da vida, a esquerda.

origem

Para não te desfalcar o imaginário poético, nunca te disse que no "Porto Sentido", quando ouves "esse teu jeito de chapa" o Rui Veloso na verdade canta "esse teu jeito fechado".

Nunca te disse que o que mais magoou foi ter tido razão em tudo quando (alegadamente) te magoei, saber disso e ainda assim pedir desculpas, repetidamente. 

Que comprei um livro do FMR que te faria sorrir, talvez.

O que queria de prenda de aniversário.

Que te adoro - porque também te odeio.

Que podia amar-te, se o merecesses.

Que consegues ser patético com tanta insegurança mascarada de super-ego.

Que vais sentir muito mais a minha falta do que eu a tua.

Que sou tão mais forte do que me julgas.

Que foram todas, todas, as vezes. 

 

Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.