Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Ventania

Na margem certa da vida, a esquerda.

Ventania

Na margem certa da vida, a esquerda.

origem

Porque é que aquelas pessoas que nunca têm tempo para nós, para passarem tempo a dar um passeio, a almoçar num sítio fresco, a ir a um concerto ou ao cinema, a disfrutar da companhia mútua, são as mesmas que não passam sem nos vir visitar ao hospital quando estamos com cara de quem foi torturado, entupido com drogas, com tubos a sair e a entrar por todo o lado? Se não têm tempo para nos telefonar quando estamos bem, só para saber de nós, para congratular quando atingimos uma meta importante, como é que arranjam sempre tempo e vagar para fazer questionários completos a nós, à família, aos (outros) amigos, sobre detalhes clínicos dos quais não percebem um cú...


Maldito património tuga da expiação das dores alheias, irra!


 




Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.