Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Ventania

Na margem certa da vida, a esquerda.

Ventania

Na margem certa da vida, a esquerda.

origem

Hoje incomoda-me o silêncio. As sinapses nem sempre são profícuas o suficiente nos seus afazeres e sobram uns milhões de neurónios que vão buscar às profundezas das memórias e divagações o que se quer (tanto e há tanto tempo) calar. O tratamento habitual é injectar mais tarefas na "to do list" dos ditos cujos. Hoje não está a resultar.





Tanto tempo, a passar por mim, eu a passar pelo tempo, em bicos de pés, quase a flutuar...





Tão livre, todas as escolhas à disposição, como para um recém-nascido. Como se faz para contrariar aquela vontade, movida a "pedaços desfiados de esperança", de não ir sem ti?





Incomoda-me o silêncio. Vou cantar.

3 comentários

Comentar post