Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Ventania

Na margem certa da vida, a esquerda.

Ventania

Na margem certa da vida, a esquerda.

origem

  • A trabalhar muito e durante muito tempo. E não, o trabalho não liberta.

  • A almoçar, jantar, 'cafezar', 'chazar' e 'copar' com pessoas de quem gosto muito.

  • A dormir, mas pouco. (Com menos de 8h não me oriento. E fico com olheiras terríveis.)

  • A atender telefonemas como se dum ritual se tratasse, sem saber bem em prol de quê.

  • A escrever muito, mentalmente, antes de conseguir adormecer...

  • A pensar nas próximas viagens.

  • A pensar que devia começar a estudar...

  • A perder-me em reflexões inconsequentes*...


 



 


 


 


* Por exemplo, na abundância de animais de estimação chamados Luna perto da minha vida. Ou onde terei metido o estojo de pó compacto que não vejo desde ontem de manhã. Ou a fazer to-do lists que crescem como fungos nos azulejos da casa-de-banho. Ou a tentar dar um sentido qualquer à vida.

Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.